Selection of coffee progenies of catucaí group

Authors

  • Alex Mendonça Carvalho UFLA
  • Antonio Nazareno Mendes
  • Fernando Valaci Rezende
  • Cesar Elias Botelho
  • Gladyston Rodrigues Carvalho
  • Andre Dominghetti Ferreira

Keywords:

Coffee, improvement, productivity, rust

Abstract

The coffee tree genetic improvement has brought expressive profit to the activity through the use of cultivars with high productivity and favorable agronomic traits. The aim of the improvement programs is gatheningthe best characters in a cultivar. So it searched to select the coffee tree progenies for favorable characteristics of productivity, grains size, vegetative force, resistance to rust and cercospora leaf spot. The experiments were carried out at the EPAMIG Experimental Farm, in TrêsPontas - Minas Gerais, which were used 33 progenies, derived of mix among cultivars of the group Icatu and Catuaí. The square lattice 6x6 with 3 replicates was the experimental designs adopted, and the assessments were made during 4 crops (2009/10, 2010/11, 2011/12 e 2012/13). The characteristics tested were: productivity (bags. ha-1), perceptual of retained fruits in sieves 17 up, notes: vegetative vigor and incidence andseverity of rust. The H6-47-10 Cova 3progenies and H4-35-11 Cv10 show superior productivity to the other progenies and cultivars with favorable characteristics grainsize and plant vigor but were allocated in the group of higher infestationofrust.TheHMSCv13progenies andHMSCv11are note worthy for addition to have a high production and plant vigor is allocated in the group with minor infestation of rust. Regarding the grain size of these two progenies are allocated in the second group along with the commercial cultivars Catuai Amarelo IAC 62 and Catucai Amarelo 2SL.

Author Biographies

Alex Mendonça Carvalho, UFLA

Possui graduação em Agronomia pela Universidade Federal de Lavras - UFLA (2007), mestrado em Agronomia/ Fitotecnia pela UFLA (2009) com dissertação intitulada Comportamento Inicial de Novas Cultivares de Cafeeiro em Minas Gerais, doutorado em Agronomia /Fitotecnia pela UFLA (2011) com tese intitulada Seleção de Cultivares de Cafeeiro Resistentes à Ferrugem em Ambientes de Minas Gerais e pós-doutorado em Agronomia/Fitotecna pela Universidade Federal de Lavras (2015). Foi Coordenador Geral do Núcleo de Estudo em Cafeicultura da UFLA de 2007 a 2008. Iniciou a carreira no magistério no Instituto Federal de Educação,Ciência e Tecnologia do Sul de Minas Gerais (IFSULDEMINAS), Campus de Muzambinho, onde ministra aulas do curso Técnico em Cafeicultura. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em manejo de culturas perenes, atuando principalmente nos seguintes temas: produção de mudas, tratos culturais, nutrição e melhoramento vegetal. AAtualmente é professor substituto da Universidade Federal de Lavras ministrando a disciplina de Agricultura Geral. Atua como revisor nos periódicos: Pesquisa Agropecuária Brasileira, Revista Ceres, Coffee Science, Revista Bragantia e Revista Ciência Rural. Também atua como assessor técnico de projetos de pesquisas de empresas privadas, consultor autônomo em cafeicultura convencional e também é credenciado pelo IMA para emissão de Certificado Fitossanitário de Origem (CFO) atuando como responsável técnico em viveiros mudas de café e espécies cítricas

Antonio Nazareno Mendes

Possui graduação em Agronomia pela Escola Superior de Agricultura de Lavras - ESAL (1980), mestrado em Genética e Melhoramento de Plantas pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz da Universidade de São Paulo - ESALQ/USP (1983) e doutorado em Agronomia (Fitotecnia/Melhoramento Genético/Cafeicultura) pela ESAL (1994). Foi Pesquisador Científico da Unidade de Execução de Pesquisa de Cáceres-MT (UEPAE-Cáceres/EMPA-EMBRAPA) de 1982 a 1985, onde atuou como pesquisador na área de Melhoramento Genético Vegetal e exerceu os cargos de Chefe Técnico da UEPAE de Cáceres e Coordenador Estadual MT do Programa de Pesquisa em Milho. Trabalhou como Pesquisador da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (EPAMIG) de 1985 a 1994, onde atuou na área de Melhoramento Genético do Cafeeiro e exerceu os cargos de Gerente da Fazenda Experimental de Machado e Chefe Geral do Centro Regional de Pesquisa do Sul de Minas. Ingressou por concurso público como Professor Adjunto I da ESAL (hoje UFLA) em maio de 1994; atualmente é Professor Titular de Cafeicultura e Métodos de Melhoramento de Plantas em cursos de graduação e programas de pós-graduação, lotado no Departamento de Agricultura da UFLA, onde orienta estudantes de iniciação científica, mestrado, doutorado e estágio pós-doutoral. Na UFLA, exerceu os cargos de Pró-Reitor de Pesquisa de 1996 a 1997, Vice-Reitor de 1997 a 2004 e Reitor de 2004 a 2012. Atualmente é Assessor de Relações Institucionais da Reitoria da UFLA desde junho de 2012; Membro do Conselho Gestor do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia do Café (INCT-Café/CNPq); Editor de Seção da Revista Coffee Science; Membro da Coordenação Técnica do Consórcio Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento do Café - CBP&D-Café; Coordenador do Projeto de Gestão do Polo de Excelência do Café (FAPEMIG), sediado na Agência de Inovação do Café (InovaCafé), em Lavras-MG e vinculado à Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Minas Gerais. É membro do Conselho do Prêmio Brasil AgroCiência, desde abril de 2014. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Melhoramento Vegetal, atuando principalmente nos seguintes temas: cafeicultura, melhoramento genético, produção de mudas e manejo do cafeeiro. É bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq, nível 1-D.

Fernando Valaci Rezende

Possui graduação em Agronomia pela Universidade Federal de Lavras e mestrado em Agronomia/Fitotecnia (2015) pela Universidade Federal de Lavras. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Melhoramento Genético do Cafeeiro

Cesar Elias Botelho

Possui graduação em AGRONOMIA pela Universidade Federal de Lavras (2001), mestrado em Agronomia (Fitotecnia) pela Universidade Federal de Lavras (2003) e doutorado em Agronomia (Fitotecnia) pela Universidade Federal de Lavras (2006). Atualmente é pesquisador da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais atuando nas áreas de melhoramento e manejo do cafeeiro. É Bolsista de BIP Fapemig nível A.

Gladyston Rodrigues Carvalho

Possui graduação em Agronomia pela Universidade Federal de Lavras (1994), mestrado em Agronomia (Fitotecnia) pela Universidade Federal de Lavras (1997) e doutorado em Agronomia (Fitotecnia) pela Universidade Federal de Lavras (2004). Atualmente é pesquisador da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase ao Melhoramento genético e Manejo e Tratos Culturais

Andre Dominghetti Ferreira

Engenheiro Agrônomo pela Universidade Federal de Lavras (2006). Concluiu o Mestrado na Universidade Federal de Lavras trabalhando com enxertia e nutrição mineral em cafeeiros. Doutor pela mesma universidade, na área de produção vegetal e qualidade de bebida do café. É Pesquisador A da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA GADO DE CORTE), atuando na área de pesquisa e desenvolvimento de sistemas integrados de produção. Tem experiência na área de Agronomia, atuando principalmente na área de produção vegetal

References

BONOMO,P.; CRUZ,C.D.; VIANA,J.M.S.; PEREIRA,A.A.; OLIVEIRA,V.R. de; CARNEIRO,P.C.S. Avaliação de progênies obtidas de cruzamentos de descendentes do Hídrido de Timor com as cultivares Catuaí Vermelho e Catuaí Amarelo. Bragantia, Campinas,v.63, n.2,p.207-219,2004.

BOTELHO, C. E. et al. Adaptabilidade e estabilidade fenotípica de cultivares de café arábica em Minas Gerais. Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, v. 45, n. 12, p. 1404-1411, 2010a.

BOTELHO, C. E. et al. Seleção de progênies F4 de cafeeiros obtidas pelo cruzamento de Icatu com Catimor. Revista Ceres, Viçosa, MG, v. 57, n. 3, maio/jun. 2010b. p. 274-281.

BRITO, G. G. et al. Inheritance of coffee leaf rust resistance and identification of AFLP markers linked to the resistance gene. Euphytica, Wageningen, v. 173, n. 2, p. 255-264, May 2010.

CARVALHO, A.; FAZUOLI, L. C.; COSTA, W. M. Produtividade do Híbrido Timor, de seus derivados e outras fontes de resistência a Hemileiavastatrix. Bragantia, Campinas, v. 48, n. 1, p. 73-86, 1989.

CARVALHO, A. M. et al. Correlação entre crescimento e produtividade de cultivares de café em diferentes regiões de Minas Gerais, Brasil. Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, v. 45, n. 3, p. 269-275, mar. 2010.

CARVALHO, A. M.; MONACO, L. C.; FAZUOLI, L. C. Melhoramento do cafeeiro XL – estudos de progênies e híbridos de Café Catuaí. Bragantia, Campinas, v. 38, n. 22, p. 203-216, 1979.

CARVALHO, G. R. et al. Avaliação e seleção de progênies resultantes do cruzamento de cultivares de café Catuaí com Mundo Novo. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 30, n. 5, p. 844-852, set./out. 2006.

CARVALHO, G. R. et al. Comportamento de progênies F4 obtidas por cruzamentos de 'Icatu' com 'Catimor'. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 33, n. 1, Jan./Feb. 2009.

CHAVES, J. C. D.; ANDROCIOLI FILHO, A.; FANTIN, D. Manejo de fertilização de lavouras cafeeiras com base no ciclo de maturação dos frutos. In: SIMPÓSIO DE PESQUISA DOS CAFÉS DO BRASIL, 5., 2007, Águas de Lindóia. Anais... Brasília: EMBRAPA Café, 2007. 1 CD ROM.

CORREA, L. V. T.; MENDES, A. N. G.; BARTHOLO, G. F. Comportamento de progênies de cafeeiro Icatu. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 30, n. 4, p. 618-622, 2006.

CUCOLOTTO, M. et al. Genotype x environment interaction in soybean: evaluation through three methodologies. CropBreedingandAppliedBiotechnology, Londrina, v. 7, p. 270-277, 2007.

CUNHA,R.L.; POZZA,E.A.; DIAS,W.P.; BARRETTI,P.B. Desenvolvimento e validação de uma escala diagramática para avaliar a severidade da ferrugem (Hemileiavastatrix) do cafeeiro. In:SIMPÓSIO DE PESQUISA DOS CAFÉS DO BRASIL,2.,2001, Vitória. Anais...Brasília:EMBRAPA/CNP&D-Café,2001.p.1101-1108.

DIAS, F. P. et al. Caracterização de progênies do cafeeiro (Coffeaarabica L.) selecionados em Minas Gerais: caracteres relacionados à produção. Revista Ceres, Viçosa, MG, v. 52. n. 299. p. 85-100, 2005.

FAZUOLI, L. C. et al. Identification and use of sources of durable resistance to coffee leaf rust at the IAC. In: ZAMBOLIM, L.; ZAMBOLIM, E. M.; VÁRZEA, V. M. P. Durable resistance to coffee leaf rust. Viçosa, MG: UFV, 2005. p.137-186.

FERREIRA, D.F. Análises estatísticas por meio do Sisvar para Windows versão 4.0. In: REUNIÃO DA REGIÃO BRASILEIRA DA SOCIEDADE INTERNACIONAL DE BIOMETRIA, 45., 2000, São Carlos. Anais... São Carlos: UFSCar, 2000. p.255-258.

FERREIRA A, CECON PR, CRUZ CD; FERRÃO, RG, SILVA MF da, FONSECA AFA da; & FERRÃO MAG (2005) Seleção simultânea de Coffeacanephora por meio da combinação de análise de fatores e índices de seleção. Pesquisa Agropecuária Brasileira, 40:1189-1195

GIOMO, G. S.; NAKAGAWA, J.; GALLO, P. B. Beneficiamento de sementes de café e efeitos na qualidade fisiológica. Bragantia, Campinas, v. 67, n. 4, p. 1011-1020, 2008.

GOMES, C. A. et al. Avaliação de progênies obtidas do cruzamento entre ‘Icatú’ e ‘Catuaí’. In: SIMPÓSIO DE PESQUISA DOS CAFÉS DO BRASIL, 7., , 2011, Araxá.

GUIMARÃES, P. T. G. et al. Cafeeiro. In: RIBEIRO, A. C.; GUIMARÃES, P. T. G.; ALVAREZ V, V. H. (Ed.). Recomendações para o uso de corretivos e fertilizantes em Minas Gerais: 5ª aproximação.Viçosa, MG: CFSEMG, 1999. p. 289-302.

LAVIOLA, B. G. et al. Influência da adubação na formação de grãos mocas e no tamanho dos grãos de café (CoffeaarabicaL.). Coffee Science, Lavras, v. 1, n. 1, p. 36-42, abr./jun. 2006.

MEIRA C. A. A. et al. Análise da epidemia da ferrugem do cafeeiro com árvore de decisão. Tropical PlantPathology, Oxford, v. 33, n. 2, p. 114-124, Mar./Apr. 2008.

MELO, B.; MARCUZZO, K.V.; TEODORO, R.E.F.; CARVALHO, H.P. Comportamento de seleções de Icatu Vermelho e Amarelo e linhagens de Mundo Novo em solos sob vegetação de cerrado, em Uberlândia- MG. BioscienceJournal, v.21, p.21-25, 2005.

NOGUEIRA, A. M. et al. Avaliação da produtividade e vigor vegetativo de linhagens das cultivares Catuaí Vermelho e Catuaí Amarelo (Coffeaarabica L.) plantadas individualmente e em diferentes combinações. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 29, n. 1, p. 27-33, jan./fev. 2005.

PETEK, M. R.; SERA, T.; FONSECA, I. C. B. Exigências climáticas para o desenvolvimento e maturação dos frutos de cultivares de Coffeaarabica. Bragantia, Campinas, v. 68, n. 1, p. 169-181, 2008.

PETEK MR, SERA T, SERA GH, FONSECA IC de B & Ito DS (2006) Seleção deprogênies de Coffeaarabicacom resistência simultânea à manchaaureolada e à ferrugem alaranjada. Bragantia, 65:65-73.

PEZZOPANE, C. G. et al. Atributos fenológicos e agronômicos em cultivares de cafeeiro arábica. Ciência Rural, Santa Maria, v. 39, n. 3, p. 711-717, 2009.

RIBEIRO, I. J. A.; BERGAMIM FILHO, A.; CARVALHO, P. C. T. Avaliação da resistência horizontal a HemileiavastatrixBerk et Br. em cultivares de Coffeaarabica L. em condições naturais de epidemia, SummaPhytopathologica, Piracicaba, v. 7, n. 1/2, p. 80-95, abr./jun. 1981.

STEEL, R. G.; TORRIE, J. K. Principles and procedures of statistics: a biometrical approach. 2. ed. Tokyo: McGraw-Hill, 1980. 633 p.

ZAMBOLIM, L.; VALE, F. X. R. e E. M. ZAMBOLIM. Doenças do cafeeiro. In: KIMATI, H.; AMORIM, L.; REZENDE, J. A. M.; BERGAMIN FILHO, A. e CAMARGO, L. E. A. Manual de fitopatologia: doenças de plantas cultivadas. 2005. São Paulo: Ceres. 4 ed. 2 v. p. 165 – 180.

Published

2016-05-13

How to Cite

CARVALHO, A. M.; MENDES, A. N.; REZENDE, F. V.; BOTELHO, C. E.; CARVALHO, G. R.; FERREIRA, A. D. Selection of coffee progenies of catucaí group. Coffee Science - ISSN 1984-3909, [S. l.], v. 11, n. 2, p. 244–254, 2016. Disponível em: https://coffeescience.ufla.br/index.php/Coffeescience/article/view/1081. Acesso em: 16 apr. 2024.

Issue

Section

Articles